domingo, junho 16, 2024
anuncio
HomeCidadeAgência reguladora orienta: denunciem problemas com a Sabesp

Agência reguladora orienta: denunciem problemas com a Sabesp

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Arsesp afirma que situação de moradores de Barueri deve ser relatada aos canais de atendimento do órgão, que fiscaliza serviços prestados pela companhia

No último fim de semana, dia 4/3, o Barueri na Rede publicou a falta de abastecimento de água no Jardim Reginalice. Não foi a primeira ocorrência onde diversas famílias sofreram com o corte no serviço. Em fevereiro, diversos bairros sofreram com torneiras vazias por diversos dias, na ocasião, a Sabesp alegou problemas com energia para justificar a falta de água nos bairros.

Relatos de leitores evidenciaram que o problema é crônico. “Tupanci falta água todos os dias”, “Aqui no Jardim Reginalice, falta água um dia sim e outro não. Sem falar que tem dias, que na casa do outro lado da rua chega água e na minha não”, “Comum em Barueri.  Todos os dias a água acaba as 21 horas e só volta às 5 horas”, contaram moradores.

Além da falta de solução para a situação, moradores de bairros atingidos pelos cortes de água relatam inoperância no atendimento da companhia de água. “A Sabesp está um caso muito sério. Na sexta-feira liguei lá de manhã, fiquei mais de 29 minutos para ser atendida e mais 18 minutos com a atendente dizendo que o sistema estava carregando. Depois me informou que estava sem sistema, durante o tempo de esperar fica a gravação informando do site e do app que também não funciona, um atendimento lastimável”, comentou um leitor do BnR.

Diante do quadro e da falta de uma resposta eficiente por parte da Sabep, o BnR procurou a Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de São Paulo (Arsesp) e relatou a situação. Em resposta, o órgão, que regula, controla e fiscaliza os serviços prestados por algumas companhias, entre elas a Sabesp, afirmou que as pessoas prejudicas pelas constantes faltas de água devem recorrer ao atendimento quando os problemas já tiverem sido tratados com a Sabesp, o que é o caso dos moradores de Barueri.

O órgão explicou que tem um serviço de atendimento ao usuário para receber queixas em segunda instância. “Registramos e buscamos solucionar problemas que, em primeira instância, o usuário buscou solucionar com a concessionária ou o prestador de serviços responsável pelo atendimento no seu município”.

Para quem quiser levar as queixas para a Arsesp, isso pode ser feito por meio do 0800 771 68 83, de segunda a sexta, das 8 às 20 horas, ou pelo email sau@arsesp.sp.gov.br​. Por conta da pandemia, o atendimento presencial está suspenso.

 

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!