sexta-feira, junho 24, 2022
spot_img
HomeSegurançaPolícia Civil descobre fábrica de falsas máquinas de cartão em Barueri

Polícia Civil descobre fábrica de falsas máquinas de cartão em Barueri

por: Redação

Após 18 meses de investigação, polícia desbaratou quadrilha que invadia sistemas eletrônicos de redes de grandes lojas e dos bancos

maquininhas
Máquinas invadiam sistemas de redes de lojas e bancos

A Polícia Civil desbaratou nesta terça-feira, 8/11, uma quadrilha que mantinha no Parque Viana, em Barueri, uma fábrica de equipamentos utilizados para invadir sistemas eletrônicos de redes de grandes lojas e do sistema financeiro. Durante todo o dia, a Operação Ludificatio prendeu oito pessoas e cumpriu 14 mandados de busca.

Após um ano e meio de investigações, a polícia descobriu que o bando desenvolveu máquinas semelhantes às usadas para cartões de débito e crédito, com um leitor de código de barras que assumia o controle dos computadores e desviava o dinheiro das vendas. As investigações detectaram equipamentos instalados em inúmeros ramos de atividade comercial e bancária

maqcaixa
Polícia apreendeu dezenas de equipamentos

“Eles criaram caixas virtuais e, com isso, desviavam transações e obtinham as vantagens financeiras que interessavam para a quadrilha”, explicou o delegado José Mariano Araújo Filho, titular da Delegacia de Investigações sobre Crimes Cometidos por Meios Eletrônicos (4ª DIG) e do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra) .

O golpe foi denunciado por um dos grandes atacadistas de São Paulo que foi vítima da quadrilha. Calcula-se que antes de ser descoberto, o grupo causou prejuízos de, pelo menos, R$ 800 mil, mas a polícia acredita que, com as prisões, evitou futuras perdas de R$ 25 milhões. Além da fábrica em Barueri, instalada na Estrada dos Pinheiros, no Parque Viana, o grupo tinha braços em São Paulo e Diadema, no ABC, onde a operação também cumpriu mandados de prisão e busca.

Os criminosos também criavam cartões com os quais faziam compras e pagavam faturas e contas em equipamentos para cartões de crédito e de débito. Os valores desviados eram distribuídos em um grande número de contas bancárias.

[sam_ad id=”12″ codes=”true”]

 

Postagens Relacionadas
- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!