quarta-feira, julho 24, 2024
anuncio
HomeSegurançaMédico condenado por estupro em Barueri é preso no interior

Médico condenado por estupro em Barueri é preso no interior

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Crime aconteceu em 2003, quando ele morava no Alphaville. Sua pena é de dez anos e oito meses

estupro
Médico nega crime e pretende recorrer outra vez

O médico Roberto Rivetti Suelotto, de 63 anos, foi preso nesta quinta-feira, 5/1, em Araçatuba. Ele está condenado desde 2009 pela Justiça de Barueri dez anos e oito meses de prisão por estupro de vulnerável e era considerado foragido pela Justiça.

O crime, cometido contra uma menina de dez anos de idade, ocorreu quando ele morava no Alphaville, em 2003. A criança era neta da mulher com quem Suelotto se relacionava na época. Já condenado, o médico permaneceu em liberdade por seis anos enquanto recorria da sentença. Mas, finalmente em 2015 foi emitido um mandado de prisão contra ele.

Suelotto, que é cirurgião cardiovascular, foi preso no início da manhã da quinta-feira em sua casa por policiais civis do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), da capital. A polícia recebeu informações desencontradas sobre o paradeiro do médico e esteve em várias cidades do Estado, como Osasco e Santos, até localizá-lo em Araçatuba.

A defesa do médico nega que ele seja culpado e afirma que pretende voltar a recorrer contra a sentença. Segundo seus advogados, há inconsistências no processo e depoimentos contraditórios.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!