quinta-feira, abril 18, 2024
anuncio
HomeGerson PedroResultado das eleições provocou sessão de tapas e beijos na Câmara Municipal

Resultado das eleições provocou sessão de tapas e beijos na Câmara Municipal

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Vereadores comentaram o desempenho de candidatos da cidade bajulando e escrachando de acordo com as conveniências de cada um

O rescaldo do pleito eleitoral ainda está fumegante

Minha Nossa Senhora da Escada, o rescaldo do último pleito eleitoral ainda continua soltando fumaça na ilibada flor vermelha que encanta. Os borogodós naturalmente acontecem dentro do portentoso Parlamento 26 de Março, palco das mais inusitadas manifestações que são dignas, em alguns casos, de comiseração, em outros casos, de risos discretos. Bão, de qualquer forma devemos respeitar os arrufos e os aziagos dos lídimos representantes do poviléu desvairado. Quá, quá, quá, quá, quá!

O Rodrigo se ferrou, se lascou geral

Não deu outra, o “tar” de Rodrigo “GovernaDória”, na maior cara de tacho mal lavado, depois de levar uma baita entubada dos eleitores, mostrou acintosamente a que veio, se bandeando para os lados do alienígena Tarcísio não sei das quantas que só em Barueri abocanhou 35,80% dos votos para governador, ou seja, recebeu 69.837, sendo dessa forma o mais votado. Na segunda posição ficou o Fernando Hadad, com 66.520 votos. Já o Rodrigo Garcia (PSDB) amargou o terceiro lugar com apenas 37.265 votos (19,10%). Aí foi que o barraco desabou.

O indivíduo nunca me convenceu

Mas amados leitores, esse “governaDória” nunca me convenceu, inclusive quando o mesmo passou a frequentar Barueri e região quase que diariamente inaugurando até poças d’água, de olho nuns votinhos a mais. Como não deu certo, literalmente se atirou no colo do Bozo, deixando com caras de basbaques aqueles que o defendiam com unhas e dentes lá na Augusta Casa de Leis barueriense. Coisa feia né senhores.

Aí, o “TARcísio” já botou as manguinhas de fora

Como se não bastasse o papelão do Rodrigo Garcia, que recebeu um baita apoio da cidade, mesmo sem merecer, agora o alienígena Tarcísio, que até recentemente sequer sabia onde era a sua zona eleitoral, pasmem, está apresentando um vídeo direcionado diretamente a Barueri, onde fala na maior cara de madeira que vai cuidar diretamente das questões de saúde da população local e se diz indignado pelo fato de a prefeitura estar ajudando na construção do hospital regional. Hummmmmmm, será que ele sabe ao menos onde fica Barueri? (Risos discretos)

É mais um “ salvador da pátria”

O alienígena candidato Tarcísio, apoiado pelas massas, digamos assim, alienadas (o grifo é nosso) também, que aparentemente adoram bailar no vai da valsa do tipo dos que elegem os “Tiriricas, Cacarecos, Frotas, Romários, Collors, Magnos Maltas, Fernandos Hollidays , Bozos e outros, na maior carantonha do mundo, ousou dizer no seu vídeo que “vai cuidar de Barueri”, cuidar da logística, melhorar a mobilidade do rodoanel e até mesmo da rodovia Castelo Branco. Bão, para quem gosta dos contos da carochinha, as prosápias do jactante vêm bem a calhar.

Já a Bruna arrebentou a boca do balão

É claro que esse velho escrevinhador não poderia deixar de citar o verdadeiro banho de votos que teve a atual deputada federal Bruna Furlan, que disputou uma vaga à Assembleia Legislativa de São Paulo. A votação foi expressiva e a colocou como um dos mais importantes destaques no universo paulista, para gáudio dos seus admiradores e ódio mortal do departamento dos inconformados, que estão cada vez mais “enfezados”. Dica Cultural: em Portugal, “enfezado”; era o sujeito constipado, que sofria de prisão de ventre e, portanto, ficava cheio de fezes. Por conta do problema de saúde, as pessoas sofriam de dores que alteravam o humor e deixavam o cenho franzido, fazendo a popular careta.” Hi, hi, hi, hi!

Mas diante de tudo isso

A recém-eleita deputada agora estadual Bruna Furlan não se fez de rogada e compareceu à colenda câmara de Barueri, onde demonstrou o seu agradecimento ao apoio recebido por parte de quase todos os representantes do povo, no que, diga-se de passagem, foi um gesto bastante legal, porém que contrariou as expectativas da “mardita oposição”, sempre de plantão tentando encontrar ou inventar factoides para descer a madeira, mas estão tendo que engolir em seco. Rá, rá, rá, rá!

Aí então, o vereador Fabião

Nessas alturas do campeonato, o ínclito vereador Fabião fez uso da tribuna naquele “famigerado” momento denominado de “explicações pessoais”, onde em meio a muitas coisas sérias e interessantes, costumam também rolar verdadeiros besteiróis dignos dos mais crassos apedeutas sob o manto do direito de expressão, algo do tipo do artigo 53 da Constituição Federal. Aliás, amados e fiéis leitores, liberdade de expressão é apanágio da natureza racional do indivíduo e é o direito de qualquer um manifestar, livremente, opiniões, ideias e pensamentos pessoais, sem medo de retaliação ou censura por parte do governo ou de outros membros da sociedade.

Foi orgulho ou um ato falho do Fabião?

Sob o pretexto de elogiar ao bom desempenho da deputada Bruna Furlan, o vereador Fabião, que de quebra se colocou como o principal responsável pelos 2370 votos que o ilustre candidato paraquedista desconhecido em Barueri, Baleia Rossi, foi sufragado pelos nativos tais como outros tantos indivíduos totalmente desconectados da nossa realidade e necessidades, tais como Carla Zambelli, Eduardo Bolsonaro, Ricardo Salles, Altair Morais, Tomé Abduch e outras tantas figuras que a exemplo do tal de Tarcísio nem imaginam onde fica Barueri, e se atopetaram de votos. Em sua fala ele disse com todas as letras que o povo mudou e não está mais besta não de votarem nos paraquedistas. Agora imaginem só!

Desceu a guasca no Gil Arantes

Num verdadeiro discurso panegírico (ao contrário é claro), o ilustre vereador Fabião enfiou a madeira sem piedade no ex- prefeito Gil Arantes, a quem acusou inclusive de estar em plena campanha antecipada visando voltar a ser prefeito de Barueri, não obstante segundo as suas palavras ter feito um péssimo governo, e agora tenta a todo custo recuperar o espaço que perdeu. “ Ele está tentando recuperar o espaço que perdeu, foi um mandato péssimo do Gil e o povo não esqueceu”. Caraca, minha nossa!

Disse que Gil tentou minar a eleição de Bruna Furlan

Num discurso virulento, eivado de veneno de bothrops, porém bem disfarçado e veiculado de maneira aparentemente comedida e com os sentimentos controlados, Fabião, acusou o ex-prefeito Gil de ter lançado candidaturas paralelas de outros deputados estaduais visando unicamente minar as pretensões de Bruna Furlan e obviamente de seu pai o prefeito Rubens Furlan. Mas cá entre nós, fiéis leitores, se a estratégia foi essa mesmo, a coisa degringolou, haja vista o montão de votos conquistados né! “Num diantô di nada”

Aí, ele encheu a bola do Japa

Mas como nem tudo é desgraça ou uma tragédia previamente anunciada, o mesmo vereador Fabião, além de ter feito altos elogios a Bruna Furlan e a seu pai, o prefeito Rubens Furlan, a quem atribuiu o epíteto de seu padrinho político, rasgou elogios desbragados ao candidato a deputado federal não eleito Japa. Para ele, Japa foi um verdadeiro herói, porém destacou que o mesmo foi literalmente traído pelo grupo do ex-prefeito Gil Arantes, no que foi corroborado na fala do líder do prefeito, o também vereador Thiago Rodrigues. “Gil fez de tudo para derrubar a Bruna e se esqueceu do Japa, que acabou tendo que trabalhar sozinho” , concluiu Thiago Rodrigues.

Mas que o Japa surpreendeu, surpreendeu!

Verdade seja dita, quando o Japa se lançou como candidato, as línguas de Dorotéia de plantão começaram a apregoar que o mesmo não teria votos nem para o gasto, mas ao final, muitos tiveram que engolir em seco a sua boa votação e o mesmo acabou por receber os cumprimentos de muitos parlamentares com assento na augusta casa de leis barueriense. Claro que dentre esses que o cumprimentaram, alguns eram tão autênticos como uma nota de duzentos e quarenta reais, mas outros eram sinceros e, portanto, ele é um nome a ser observado agora com um maior critério.

Quanto ao candidato que conversou com Deus

É, parece que o Deus todo poderoso esteve muito ocupado atendendo a outras demandas no dia das eleições, que acabou se esquecendo de dar aquela cobertura especial a um certo candidato a deputado federal saído da gloriosa câmara municipal de Barueri, que havia apregoado de maneira acintosa ter conversado com Ele num certo monte localizado na Estrada dos Romeiros. Pelo visto, como já disse o poeta, “que tudo que se faz na terra, se coloca Deus no meio, Deus já deve estar de saco cheio”.

Nesse mundo nada se cria, tudo se copia

Mas antes que eu me esqueça, quero crer, meus fiéis leitores, que vocês se lembram daquele projeto de lei de autoria do edílico vereador Wilson Zuffa, cujo objetivo era o de que cães ou gatos poderiam ser transportados dentro dos ônibus na cidade de Barueri, ônibus esses que geralmente já andam lotados. mas o povaréu ainda teria que dividir os espaços exíguos com vira-latas pulguentos, mesmo que dentro de caixas apropriadas. Naturalmente, essa esdruxula ideia não foi tão original assim, pois seguiu aquele velho esquema tão em vigor pelas câmaras municipais e assembleias legislativas do Brasil varonil, onde outras mentes “criativas” já haviam apresentado a proposta. Pois então, o prefeito Rubens Furlan vetou totalmente a propositura deixando claro que lugar de transportar cachorro é na carrocinha. (O grifo é nosso). Um detalhe: não houve sequer um parlamentar de plantão para ousar pensar em derrubar o veto. Hi, hi, hi!

Orgulho do Povo Negro

Quem está cada vez mais em alta por sua competência, honestidade e responsabilidade é o sociólogo e cientista político Marcos Agostinho Silva, que ao longo dos anos está à frente do Instituto, MAS Pesquisa. Marquinhos, pros mais íntimos, foi entrevistado no programa Bora Brasil, da Band, pela jornalista Vitória Santiago e ali discorreu sobre parlamentares negros que foram eleitos e os desafios que os mesmos fatalmente irão encontrar durante os seus mandatos. Nunca é demais lembrar que 72% dos deputados federais eleitos em 2022 são brancos e apenas 22% são negros. Os dados mostram um crescimento de 8,94% de deputados negros em relação à eleição de 2018, mas o grupo continua sub-representado na Câmara dos Deputados em relação ao tamanho da população.

E em Osasco tem feira afro

E lá em Osasco rola nesse sábado o evento Feira Afro 2022, numa iniciativa da Unegro que tem à frente o advogado Alfeu Oliveira. A feira, que acima de tudo quer marcar a presença da população negra de Osasco e da região, contará com balcão de empregos, rodas de conversas, oficinas culturais, workshops, desfiles de modas e cabelos, e atrações artísticas musicais, gastronomia e artesanatos, dentre outras coisas. Tudo isso com entrada franca das 10 às 20 horas nas dependências da Escola de Artes Cesar Antônio Salvi, situada à rua Tenente Avelar Pires de Azevedo,360, ali bem no centro de Osasco.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!