terça-feira, maio 21, 2024
anuncio
HomeCidadeFinal feliz: cachorrinho descartado no Jd. Líbano é adotado

Final feliz: cachorrinho descartado no Jd. Líbano é adotado

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Dois dias depois de ter sido deixado para morrer dentro de um saco amarrado, cãozinho é entregue para a nova família

A tarde desse sábado, 12/2, foi de recomeço num novo lar para o cachorrinho que foi descartado por um servidor público de Barueri, graças a ação de pelo menos três pessoas, que ajudaram desde o resgate, lar temporário até finalmente ser entregue à nova família, sob os cuidados de Ruth Batista de Arruda.

Miriam, Nielma e Ivan são os responsáveis diretos por salvar a vida do cãozinho. Miriam é pessoa que viu o saco branco, com a boca amarrada, e resolveu verificar o que tinha dentro. Após o resgate, o animal, já alimentado, banhado e tosado, ficou aos cuidados de Ivan, que, apesar de ter vários cachorros e gatos – na maioria, também resgatados – deu lar temporário até que o “hóspede” fosse adotado.

A parte de encontrar um novo lar para pequeno resgatado ficou com Nielma Ferreira. Já no dia seguinte ao descarte, ela comemorou: “Uma amiga vai ficar com ele. Já marcou castração e tudo”. Agora, o cachorrinho segue seguro a caminho do novo lar, e claro, cheio de mimos e cuidados no colo da adotante, Ruth, que mora no Jardim Isaura, Santana do Parnaíba.

 

“É um cachorrinho!”

Pouco tempo depois do descarte num matagal na rua Goiânia, no Jardim Líbano, Miriam Brito, acompanhada de uma amiga, resolve verificar o que havia dentro daquele saco deixado por um homem que dirigia um carro branco. Com cuidado, e usando um galho para segurar o pacote no chão, ela desata o nó e vem a surpresa.

“É um cachorrinho!”, é possível ouvi-la no exato momento em que um pequeno focinho cheira o ar e, alheio ao perigo que correu, o animalzinho sai de dentro do saco plástico, vai até a calçada, se sacode e continua caminhando, arrastando a coleira que ainda tinha presa ao pescoço.

Tanto as imagens do resgate como do descarte ganharam as redes sociais e por meio delas o homem, que cometeu crime de abandono de animais, para o qual é prevista a detenção de até cinco anos de detenção – segundo a Lei Federal nº 14.064/20 -, foi identificado. Ele é servidor municipal da prefeitura de Barueri, que garantiu em nota de repúdio, ter tomado todas as providências legais sobre o caso.

 

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!