quarta-feira, junho 19, 2024
anuncio
HomeCidadeVídeo flagra adolescente agredindo GCM em escola no Mutinga

Vídeo flagra adolescente agredindo GCM em escola no Mutinga

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Agentes foram acionados para conter alunos que depredravam prédio e tentavam agredir funcionários. Adolescentes não aceitavam medidas educativas da direção

Um vídeo que circulou pelas redes sociais na sexta-feira, 20/10, mostra uma confusão entre adolescentes e agentes da Guarda Municipal de Barueri em frente a Escola Estadual José Domingos da Silveira, na avenida São Vicente de Paula, no Jardim Mutinga. Segundo apurações do BnR, a guarnição da GCM foi acionada pela direção da unidade educacional para interceder com alguns estudantes que xingavam funcionários e jogavam pedras no prédio.

A atitude dos adolescentes teria sido motivada por não aceitarem algumas medidas educativas contra o comportamento deles dentro da escola. Testemunhas contaram que assim que os GCMs chegaram ao local, após o horário de saída, pouco depois do meio-dia, cerca de dez adolescentes, já ao lado de fora, começaram a hostilizar os agentes, que pediam para que eles se acalmassem e parassem com o comportamento agressivo.

No vídeo, é possível ver quando um dos GCMs, junto com outros dois adultos, aparentemente tenta separar dois adolescentes, e um deles, mais exaltado, tenta dar um soco no agente, que segura-o pelos braços. A gravação feita da cena não tem áudio, mas é possível notar que o estudante está bastante alterado e continua tentando atingir o guarda municipal com socos e chutes, mesmo quando uma mulher tenta acalmá-lo. Dezenas de crianças assistem à cena.

A confusão na porta da escola só cessa quando o segundo agente de segurança interviu. Testemunhas contaram, e é visível, que os GCMs tentam convencer o adolescente a voltar  para dentro da escola, junto com outros adultos que participaram da situação. “Lá dentro ele continuou agressivo, dizendo que tinha ido pra cima [do GCM] mesmo”, contou uma fonte ouvida pelo BnR.

A mãe do estudante foi chamada e todos foram conduzidos para a delegacia, onde o adolescente foi ouvido e reafirmou ‘que foi mesmo pra cima’ do GCM. Foi registrado ato infracional por desacato e tentativa de agressão.

* O BnR optou por não divulgar o vídeo para não expor o adolescente, seguindo as normas do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)

 

Postagens Relacionadas

1 Comentário

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!