domingo, junho 16, 2024
anuncio
HomeCidadeHomem que abandonou cachorro no Líbano é identificado e indiciado

Homem que abandonou cachorro no Líbano é identificado e indiciado

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Morador de Francisco Morato foi flagrado por câmeras descartando o animal. BnR apurou que ele não ficou preso mas vai responder por crime de maus tratos

Um vídeo em que um homem abandona um cachorro no Jardim Líbano mobilizou protetoras independentes de Barueri e resultou na identificação, acusação e indiciamento dele, e também no resgate do animal. As imagens começaram a circular entre protetoras de animais, que fazem trabalho voluntário, e uma delas, Simone da Matta, procurou o BnR para denunciar o caso.

Enquanto se dividiam a procurar e passar as informações para a Guarda Ambiental e monitorar o animal abandonado, já que o Centro de Proteção ao Animal Doméstico (Cepad) normalmente não atua em casos assim, a notícia publicada pelo Barueri na Rede ganhou repercussão e iniciou-se a busca pela identificação da placa do carro usado pelo homem flagrado descartando o cachorro nas primeiras horas da quarta-feira, 16/5.

Com a placa do veículo, a polícia chegou ao autor do crime, Marcio Rogerio de Jesus, morador de Francisco Morato, de 47 anos. Ele foi ouvido pela polícia e responderá o processo em liberdade, já que não houve flagrante. Se condenado, poderá receber pena de prisão, já que o crime de abandono de animais pode resultar em até cinco anos de reclusão. O BnR apurou que, apesar de ter abandonado o cachorro, o homem tem outros animais em casa, de raça, como uma fêmea Shih Tzu, e os filhotes dela.

Repercussão e acolhimento

O cachorrinho abandonado, apesar de ter sido monitorado pelas protetoras envolvidas inicialmente no caso, chegou a sumir, mas foi encontrado e, depois da repercussão da notícia, foi resgatado da rua e acolhido pelo Cepad de Barueri. Uma equipe do centro de proteção ao animal doméstico esteve no local e fez o resgate do cão, um macho, de porte médio. Apesar de assustado, o cachorro se mostrou dócil e não teve comportamento agressivo durante o procedimento.

Atualmente ele está em quarentena, mas será castrado, vacinado, microchipado e colocado para adoção, junto com outras dezenas de animais disponíveis nas unidades do centro de proteção animal de Barueri.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!