sexta-feira, fevereiro 23, 2024
HomeCidadeCai número de multas por uso de celular ao volante

Cai número de multas por uso de celular ao volante

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Comparação foi feita entre os primeiros sete meses deste ano e o mesmo período de 2017

O uso de celular ao volante em Barueri atingiu a marca de 1.918 multas entre janeiro e julho deste ano, o que representou uma queda de 65% na comparação com o mesmo período de 2017. A média foi de nove infrações por dia, com maior incidência nos bairros do Alphaville e Tamboré.

Nos sete primeiros meses do ano passado, dirigir e usar o celular no município resultou em 5.504 infrações, ou seja, 3.586 a mais do que no mesmo período de 2018. O ano completo de 2017 fechou com 13.148 casos.

Na cidade, as autuações por uso de aparelhos eletrônicos ao dirigir são aplicadas por agentes do Demutran, que seguem os termos do artigo 252 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

De acordo com a lei, é proibido conduzir o veículo utilizando fones de ouvidos conectados a equipamento sonoro ou a telefone celular, sendo infração média (quatro pontos) com penalidade de multa de R$ 130,16. Já no caso de segurar ou manusear o celular, o que pode prejudicar a direção do automóvel com uma das mãos, a infração é gravíssima (sete pontos) e a multa é de R$ 293,47.

Durante o mês de agosto, o Núcleo de Educação no Trânsito (NET), órgão do Demutran, participou da campanha Ele tira sua atenção e pode tirar vidas, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). A ação promoveu palestras de conscientização, sinalizações com banners nas vias públicas e campanhas publicitárias orientando e prevenindo os motoristas sobre o perigo de fazer o uso do celular ao volante.

Segundo dados da administração municipal, Barueri tem um fluxo diário de 500 mil veículos, sendo que apenas 310 mil são emplacados na cidade. Assim, 38% do trânsito local é formado por veículos flutuantes vindos dos municípios circunvizinhos.

Um estudo divulgado pela Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) em maio apontou que o uso do celular ao dirigir é a terceira maior causa de mortes no trânsito no Brasil, ficando atrás apenas do excesso de velocidade e o consumo de álcool.

A Administração Nacional de Segurança Viária dos Estados Unidos (NHTSA) reforça o perigo, indicando que o risco de sofrer um acidente de trânsito aumenta em 400% por conta do aparelho eletrônico.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!