terça-feira, abril 16, 2024
anuncio
HomeDestaquesOeste vence vice-líder de virada e entra de vez na briga pelo...

Oeste vence vice-líder de virada e entra de vez na briga pelo acesso

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Rubrão derrota América-MG em Belo Horizonte, sobre para sétimo lugar e fica a dois pontos do G-4

americamg2
Com a vitória, Oeste sobe na classificação e entra de vez na briga pelo acesso à série A

O Oeste venceu o vice-líder América Mineiro por 2 a 1, de virada, na manhã deste domingo, 1º/10, subiu na classificação e entrou de vez na disputa por uma vaga na elite do futebol brasileiro em 2018. Jogando pela 27ª rodada da série B do Brasileirão num estádio Independência lotado, o Rubrão soube se impor e alcança 44 pontos, agora na sétima colocação do campeonato e a apenas dois pontos do G-4. Como vem se repetindo ao longo da temporada, o goleiro Rodolfo e o meia Mazinho foram os destaques da equipe.

O América começou o jogo com tudo, pressionando a saída de bola do Oeste e impedindo o time de Barueri de jogar. Os mineiros tiveram uma chance já no primeiro minuto e as oportunidades foram se repetindo. Nos últimos minutos, Rodolfo começou a aparecer com quatro defesas difíceis. Numa delas, o goleiro ainda contou com a ajuda de Joílson, que tirou de cima da linha uma bola rebatida pelo número 1.

Se desperdiçou todas as oportunidades que teve no primeiro tempo, na segunda etapa a equipe mineira abriu o placar logo no primeiro ataque. O juiz marcou pênalti bastante duvidoso de Guilherme Romão sobre Matheusinho que o veterano Edno cobrou para abrir a contagem. Pênalti convertido por Edno. O América manteve o ritmo e quase ampliou aos 10 minutos quando Ruy, frente a frente com a meta, chutou para fora.

A partir daí, o time mineiro começou a diminuir o ritmo e o Oeste aproveitou e cresceu no jogo. As chances foram aparecendo até que aos 28 minutos, Guilherme Romão foi derrubado dentro da área. Mazinho bate e empatou.

O América sentiu o gol e o Oeste apertou a marcação até que, aos 37 minutos, Jheimy roubou a bola na intermediária americana, tocou para Robert que fez passe preciso para Mazinho driblar o zagueiro e bater sem ângulo, entre as pernas do goleiro, para fazer o segundo. Em desvantagem, os mineiros fora para o tudo ou nada, mas a zaga rubro-negra suportou. No último ataque adversário, Rodolfo voltou a aparecer em grande defesa.

Acusação de injúria racial

Logo após a cobrança do escanteio no que seria o último lance da partida, o zagueiro americano Messias acusou o goleiro Rodolfo de tê-lo chamado de “macaco”. Messias pediu que o árbitro paralisasse a partida e chegou a solicitar o policiamento para deter o goleiro do Rubrão. Houve grande confusão. Rodolfo negou a ofensa e repetiu várias vezes para os atletas do América que também é negro.

Rodolfo precisou prestar depoimento na Central de Flagrantes da capital mineira e precisou pagar uma fiança de R$ 2 mil reais para voltar para São Paulo. O Oeste publicou nota negando a ofensa e defendendo o goleiro.

Nós, do Oeste FC, repudiamos totalmente qualquer tipo de discriminação e garantimos que nosso atleta não teve essa atitude. Rodolfo, de cor negra, é totalmente contra o racismo, além de ser um profissional de conduta exemplar no dia a dia do clube. Leandro Amaro, zagueiro do Oeste e companheiro de Rodolfo, estava próximo aos atletas quando discutiam e garante que o goleiro não usou a palavra “macaco”, afirma que houve sim ofensas, de ambas as partes, mas não foram raciais”, afirma a nota. O Rubrão não põe em dúvida a afirmação de Messias afirmando que o zagueiro do time mineiro deve ter se equivocado.

O Rubrão volta a campo no próximo sábado, 7/10, na Arena Barueri, quando enfrenta o Guarani às 16h30.

Em Belo Horizonte o Oeste jogou com Rodolfo; Daniel Borges, Joílson, Leandro Amaro e Guilherme Romão; Lídio (Jheimy), Betinho e Mazinho; Danielzinho (Robert), Raphael Luz e Gabriel Vasconcelos (Wilson Mathias).

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!