quarta-feira, junho 19, 2024
anuncio
HomeCidadeCriminosos usam nome e logotipo do Tribunal de Justiça de SP para...

Criminosos usam nome e logotipo do Tribunal de Justiça de SP para aplicar golpes

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Bandidos criam falsas sentenças para obter dinheiro de vítimas. Eles chegam a citar nomes de servidores reais do TJ para dar veracidade à trama

TJ vem divulgando alertas à população para evitar cair em ação de criminosos

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo alerta para a prática de golpes aplicados por criminosos que utilizam o nome do TJSP para conseguir dinheiro. Falsos ofícios por cartas e e-mails com informações sobre supostas sentenças favoráveis são enviados solicitando o depósito de custas judiciais e outras taxas, para o posterior levantamento do dinheiro. Os golpes também podem ser dados por telefonemas.

Para parecer que a informação é séria, os criminosos usam o logotipo do TJSP e inclusive, nomes de funcionários que de fato trabalham nas unidades judiciárias. Esses funcionários mencionados, no entanto, não têm qualquer relação com os golpes aplicados. Seus nomes são utilizados para dar mais credibilidade aos falsos documentos enviados.

Nas cartas e e-mails, constam a indicação de unidades cartorárias e um número de telefone, que na realidade, não são do Tribunal. Ao entrar em contato, um integrante da quadrilha atende como se trabalhasse na vara mencionada no falso documento, por exemplo, 2ª Vara Cível de Barueri.

Para prevenir cair em golpes do gênero, o Tribunal indica que as informações de documentos do Judiciário paulista sejam confirmadas nos telefones das unidades cartorárias. O link indicado para a consulta de números de telefone do TJSP é http://www.tjsp.jus.br/Institucional/CanaisComunicacao/ListaTelefonica/Default.aspx.

Pessoas sem acesso ou com dificuldade de acesso à internet, podem se dirigir ao fórum e solicitar informações.

Em ações passadas, a Polícia Civil já conseguiu identificar e prender integrantes de uma quadrilha que praticava golpes no Estado, no entanto, o número de casos cresceu, o que levou a corte a fazer o alerta à população.

As investigações estão a cargo do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), que elaborou um guia sobre como evitar os métodos mais utilizados por criminosos para aplicar golpes. Para conhecer o guia, acesse o link https://www.tjsp.jus.br/Download/AssessoriaImprensa/UtilidadePublica/Alerta/GuiaDeOrientacoes.pdf.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!