sábado, abril 20, 2024
anuncio
HomeCidadeA partir de julho, todos os ônibus da EMTU vão aceitar cartão...

A partir de julho, todos os ônibus da EMTU vão aceitar cartão de crédito e débito

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Linhas que ligam municípios da região oeste da Grande SP entre si e com a capital também receberão por dispositivos de celular e relógios

A partir de julho, todos os ônibus das linhas gerenciadas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) passarão a aceitar pagamento por cartão de crédito e de débito. Os passageiros poderão pagar na catraca por aproximação do cartão e também por celular e relógios (smartwatches).

O serviço vem sendo implantado e já funciona em cerca de mil coletivos, mas a partir da primeira quinze do próximo mês estará implantado em toda a frota de 4 mil veículos.

Os ônibus equipados com a novidade estão recebendo adesivos informando a possibilidade de pagamento e os cartões que são aceitos, das bandeiras Mastercard, Visa e Elo.

A EMTU administra linhas de ônibus intermunicipais da Região Metropolitana de São Paulo, muitas delas presentes na região oeste, interligando cidades como Itapevi, Jandira, Barueri, Carapicuíba, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Osasco e a capital.

Postagens Relacionadas

1 Comentário

  1. Não sei se na EMTU é bagunçado como em Barueri, mas a Benfica é a pior das empresas. Pela segunda vez minha mãe embarca em um ônibus no Jardim Silveira para ir no centro de Barueri e ao retornar para casa o cartão de idoso dela aparece escrito bloqueado na catraca. Em vez do cobrador falar para ela descer pela frente, diz que tem que pagar a passagem, sendo que idoso não paga e se não tiver o cartão basta mostrar o RG para o motorista e descer pela porta da frente. Minha mãe saiu de casa hoje sem dinheiro para buscar seus medicamentos na Farmácia Central. Saiu do farmácia, atravessou a rua e esperou o ônibus para voltar para casa. Ao embarcar apareceu escrito cartão bloqueado por algum erro do leitor de cartões ou porque a Benfica reduziu o número de viagens que um idoso pode fazer em um mesmo sentido por determinado tempo e o cobrador não girou a mudança de etinerário ao chegar no destino, parecendo que ela estava pegando um segundo ônibus no mesmo sentido e não em retorno para casa. Ela passou a maior vergonha por não ter dinheiro e uma mulher se ofereceu para pagar sua passagem para ela não descer do ônibus e ir para casa a pé, sendo que ela tem mais de 70 anos, mas o erro é do cobrador. Idoso não tem que pagar passagem por não ter cartão Benfácil, muito menos quando o tem e o mesmo dá um erro do qual o titular do mesmo não tem culpa. Pior que tentamos contato e não conseguimos. Da primeira vez fizemos reclamação na ouvidoria e depois de duas semanas recebemos a resposta que a reclamação não procedia, pois o cartão não estava bloqueado, já que o bloqueio foi momentâneo, mas ignoraram o fato de minha mãe ter de pagar passagem se quissesse prosseguir no ônibus. Isso é um absurdo!

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!