terça-feira, maio 17, 2022
HomeEm destaquePresidenciável de Alphaville arrecadou mais de R$ 1 milhão na Arena Barueri

Presidenciável de Alphaville arrecadou mais de R$ 1 milhão na Arena Barueri

por: Redação

Pablo Marçal, que realizou evento no estádio barueriense no domingo, 1º/5, anunciou que pretende concorrer à Presidência da República em outubro

Pablo Marçal na Arena Barueri lotada: influencer se considera única alternativa contra a polarização Lula-Bolsonaro

O youtuber Pablo Marçal, morador de Alphaville, arrecadou mais de R$ 1 milhão no evento que promoveu na Arena Barueri no domingo, 1°/5, quando anunciou ser pré-candidato a presidente pelo partido Pros.

A informação é da revista Veja, que se baseou no preço do ingresso para o encontro, de R$ 50, e no número de pessoas que compareceu, estimado em mais de 20 mil pessoas. A soma não considera os produtos licenciados que foram vendidos no estádio, como canetas, camisetas e livros.

No evento, batizado de “O Destravar da Nação”, Pablo afirmou ser a única opção para fugir da polaridade representada pelas candidaturas de Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva. Para ele, já não existe nenhuma possibilidade de uma terceira via sobreviver e, por isso, apresenta-se como alternativa.

Goiano de 34 anos de idade, com mais de 3,5 milhões de seguidores nas redes sociais, Marçal se identifica como empresário em vários ramos de atividade, influencer e palestrante. Já escreveu mais de 20 livros, alguns deles, sucesso de vendas.

Mas apesar da confiança na candidatura, ele ainda não tem a confirmação de seu partido. O Pros declarou que não vai se opor a que nenhum de seus filiados pleiteie disputar a eleição, mas que o candidato será escolhido após debates internos.

Apesar do grande número de seguidores, Marçal ficou conhecido nacionalmente em janeiro, quando perdeu-se ao conduzir um grupo de 32 alunos de um curso motivacional, sem nenhum guia, numa escalada em um morro em Piquete, interior paulista.

Durante a excursão, o grupo foi atingido por uma tempestade que destruiu barracas e teve de ser resgatado pelo Corpo dos Bombeiros. No dia seguinte, Pablo rebateu críticas a sua iniciativa. “Se você não quer correr risco, fica na sua casa assistindo os stories”, publicou em suas redes. “Eu não mandei ninguém subir.”

 

 

 

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!