quinta-feira, junho 13, 2024
anuncio
HomeCidadeChuva forte de sábado provoca pontos de alagamento pela cidade

Chuva forte de sábado provoca pontos de alagamento pela cidade

por: Redação

Compartilhe esta notícia!

Avenida Anibal Correia e centro do Jardim Silveira mais uma vez foram os pontos mais prejudicados pelas cheias

Avenida Municipal, no Jardim Silveira, ficou intransitável. Local sofre alagamento com frequência

A chuva da tarde de sábado, 7/10, provocou vários alagamento pela cidade. Os pontos mais graves foram o Jardim São Pedro, próximo ao centro, a região do terminal rodoferroviário do Jardim Silveira e a avenida Anibal Correia, na altura da ligação com o Parque Viana, duas das áreas em que as inundações são frequentes e antigas.

No Jardim São Pedro, o rio Barueri-Miriam transbordou mais uma vez, a água subiu nas avenidas 26 de Março e Henriqueta Mensde Guerra, na altura da Farmácia Municipal, e invadiram as ruas locais.

Avenida Henriqueta Mendes Guerra, npo Jardim São Pedro, sofreu mais uma vez com tranbordamento do rio Barueri Mirim

No caso do Silveira, a água impediu a passagem de automóveis pela avenida Municipal, numa cena que se repete várias vezes por ano. Desta vez, os pontos de alagamento chegaram até os estacionamentos dos centros de atacado da avenida Alziro Soares e paralisaram o trânsito na Estrada de Jandira desde a altura do Jardim Belval.

Na região, a prefeitura vem há anos construindo piscinões para conter as cheias do córrego Laranja Azeda, que atravessa por baixo dos trilhos da ViaMobilidade e deságua no rio Barueri Mirim, o mesmo que transbordou pocuo à frente, no São Pedro.

Já na avenida Anibal Correa, a inundação voltou a impedir a circulação de veículos no trevo do Parque Viana. Mais adiante, no sentido do Jardim Paulista, está sendo construído o futuro Hospital Regional, parceria da prefeitura com o governo estadual.

Em fevereiro deste ano, após mais um alagamento, o Barueri na Rede questionou a Secretaria de Saúde do Estado sobre o problema e que medidas seriam tomadas, já que não havia nenhuma obra sendo realizada para isso.

Avenida Anibal Correia, endereço do futuro Hospital Regional, ficou novamento sob as águas

Como resposta, o Estado afirmou que desconhecia que a avenida enchia muitas vezes ao ano e que não havia sido informada pela prefeitura sobre isso. Também infirmou que, após saber do fato, cobrou uma posição do município e recebeu como resposta que o problema seria sanado.

Até o momento, porém, não há nenhuma obra em curso para resolver o problema e tanto Estado quanto município afirmam que o hospital será inaugurado em meados do próximo ano.

Postagens Relacionadas

Deixe sua resposta

Deixe seu comentário
Coloque seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

error: Conteúdo Protegido!