Oeste empata em Brasília e avança na Copa do Brasil

0
112
Compartilhe:

Rubrão sai perdendo para o Brasiliense, mas reage e com o 1 a 1 se classifica para enfrentar o Figueirense

O Oeste estreou bem na Copa do Brasil. Jogando na noite desta terça-feira, 6/2, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, o Rubrão empatou em 1 a 1 e classificou-se para a segunda fase da competição. Pelo regulamento da competição, nas duas primeiras fases o time visitante joga pelo empate.

O rubro-negro começou melhor na partida, controlava bem o jogo e mantinha a posse de bola, mas desperdiçou as três boas chances que teve de marcar. As oportunidades de gol não apareceram e isso deu confiança ao Brasiliense, que equilibrou as ações.

E nos instantes finais do primeiro tempo, foi o time da casa quem abriu o placar. A marcação do Oeste deixou o lateral Patrick avançar livre e ele cruzou com precisão na cabeça de Nunes, que saltou entre dois zagueiros e marcou aos 42 minutos.

Roberto Cavalo mexeu no time no intervalo e voltou para o segundo tempo com o atacante Raphael Luz no lugar do lateral William Cordeiro. A mexida deu certo. O time ficou mais ofensivo e foi o próprio Raphael quem empatou. Na cobrança de escanteio, ele recebeu atrás da zaga, ajeitou com a coxa e bateu para marcar, aos 19 minutos.

Com o resultado que precisava, o Rubrão se fechou e passou a apostar nos contra-ataques, mas não aproveitou as oportunidades criadas. No final, o Brasiliense foi para o sufoco, mas o Oeste soube segurar a pressão.

Na próxima fase, o Rubrão volta a jogar como visitante e mais uma vez terá o empate a seu favor. O adversário será o Figueirense, em data ainda não definida.

Enquanto isso, o time volta as atenções para a série A2 do Paulistão. Na sexta-feira, 9/2, o Oeste recebe a Penapolense na Arena, às 19 horas, em partida que põe frente a frente os ponteiros da competição. As duas equipes tem 13 pontos, mas o Rubrão é o líder por ter maior saldo de gols.

Em Brasília, o rubro-negro jogou com William Menezes; Daniel Borges, Joilson, Leandro Amaro e William Cordeiro (Raphael Luz); Lidio, Betinho, Wallace Bonilha, Henrique (Marion) e Mazinho; Bruno Lopes (Nicolas Careca).

Compartilhe: