Liberada circulação de trens na linha 9-Esmeralda

0
1427
Compartilhe:

Tráfego estava interrompido entre as estações Ceasa e Pinheiros por causa de afundamento de viaduto

viaduto2
Ponte da marginal Pinheiros sobre trilhos da CPTM cedeu na quinta-feira

A prefeitura de São Paulo liberou no início da tarde deste domingo, 18/11, a circulação de trens entre as estações Ceasa e Pinheiros da linha 9-Esmeralda, que estava bloqueada desde a sexta-feira. O tráfego havia sido suspenso no trecho por causa do afundamento do viaduto da marginal Pinheiros que passa sobre os trilhos da CPTM na altura do bairro do Jaguaré.

Na avaliação dos técnicos, havia risco de a ponte desabar. No entanto, segundo informou neste domingo o secretário de Infraestrutura Urbana e Obras de São Paulo, Vitor Aly, o trabalho de estabilização da construção foi bem sucedido e não há riscos de desabamento.

Foram feitos testes com vagões vazios para avaliar o escoramento de 120 metros de comprimento feito na ponte. Ainda assim, as composições trafegarão em velocidade reduzida no local. Em vez de circular a 60 km/h, como fazem normalmente, os trens passarão a 20 km/h.

Com a interdição, os passageiros que iam no sentido do Grajaú paravam na estação Ceasa e tinham que embarcar em ônibus do Paese, sistema de ônibus emergencial, até a estação Pinheiros, onde seguiam viagem, ou descer na altura das estações Villa Lobos ou Cidade Universitária, se fosse o caso. O mesmo procedimento tinha de ser adotado no sentido inverso.

Na sexta-feira, primeiro dia da operação, o número de ônibus deslocado foi insuficiente e os usuários demoraram até duas horas para conseguir completar o trecho interrompido. Com o fim do feriado prolongado, havia o temor de que a situação se tornasse ainda pior, em razão do aumento do número de usuários.

Em nota, a CPTM comunicou que a circulacao foi retomada às 11h30 deste domingo.

Compartilhe: