Ladrões roubam casa e sequestram morador em Itapevi

0
6537
Compartilhe:

 

Edmilson Felismino, de 51 anos, foi levado no carro da família por três homens que invadiram sua casa atrás de dinheiro

O eletricista Edmilson Felismino, de 51 anos, foi levado de sua casa, no Jardim Briquet, em Itapevi, na noite de quarta-feira, 2/8, por homens que invadiram a residência em busca de dinheiro. O bandidos levaram Edmilson desacordado no automóvel de sua esposa, um Ford Ka vermelho. Desde então nem ele nem os bandidos fizeram contato com a família.

edmilson2-dentroO crime ocorreu por volta das 23 horas. Dois homens invadiram a residência da família e renderam o eletricista, sua esposa e um filho de 12 anos. Um terceiro homem ficou como vigia do lado de fora da casa. Mais tarde, uma outra filha, de 18 anos, também foi feita refém ao voltar da escola.

Segundo relato da família, os invasores procuravam por dinheiro, afirmando que seguiam Edmilson desde a manhã de quarta-feira, quando a vítima foi ao banco fazer um saque. Os bandidos amarraram a família num os quartos da casa enquanto subjugavam o eletricista na cozinha. Lá, ele foi amarrado e sofreu agressões por coronhadas na cabeça.

Depois de revirar a casa à procura de algo que a família não soube identificar, os ladrões fugiram levando Edmilson como refém. Câmaras de segurança das proximidades gravaram os homens indo em direção à casa da família antes do assalto e depois na fuga no Ford Ka, placas FMN-0780, cerca de 40 minutos depois.

Após conseguir se desamarrar, a mulher e os filhos pediram socorro para vizinhos e acionaram a polícia. Além do carro, a esposa de Edmilson deu por falta da quantia de R$ 3 mil que estava guarda no guarda-roupas do casal, no bolso de um paletó.

O crime foi registrado na Delegacia de Polícia de Itapevi, que investiga o caso, sem sucesso até o momento.

Qualquer informação que leve a Edmilson pode ser passada nos telefones 97396-1680 (cel e whatsapp) ou 4618-2458. Também pode ser enviada para o Barueri na Rede pelo email redacao@baruerinarede.com.br ou pelo inbox na fanpage do Facebook.

 

Compartilhe: