GRB promove Festival de Artes Marciais

0
422
Compartilhe:

O 5º Torneio Integração de Artes Marciais reunirá quase 700 alunos das escolas de esporte de Barueri

festivalhome
Mais de 700 alunos irão se apresentar no festival/Fotos: Divulgação

No próximo sábado, 6/5, a partir das 13h30, o Ginásio Poliesportivo José Corrêa, será palco do 5º Torneio Integração de Artes Marciais. As modalidades que estarão representadas durante o evento são o judô, o karatê, o kung-fu e o taekwondo.

A quadra do ginásio será dividida em quatro áreas, uma para cada esporte, e devem participar das apresentações quase 700 alunos. Mas o torneio deve reunir mais de mil alunos na soma de todas as modalidades.

Segundo o diretor das modalidades de artes marciais, o professor Rui Koike, todas as crianças até 11 anos vão receber medalhas. “Dos 12 anos em diante apenas os três primeiros colocados”, explicou.

Além de reunir os atletas, o festival também pretende mostrar a união entre os discípulos e, segundo Rui Koike, “também para que eles conheçam mais profundamente o que cada modalidade tem de bom.”

Um pouco de cada esporte

Judô – Criado no Japão, em 1882, pelo mestre Jigoro Kano, o judô é uma arte marcial olímpica. Ao cria-la, o sensei Kano tinha como objetivo promover uma técnica de defesa pessoal, além de desenvolver o físico, o espírito e a mente. O judô chegou ao Brasil em 1922, em pleno período da imigração japonesa.

Karatê – De acordo com a Confederação Brasileira da modalidade, o karatê é uma arte marcial desenvolvida em Okinawa no Japão. Ela se desenvolveu a partir das artes marciais indígenas das Ilhas Ryukyu, sob a influência de artes marciais chinesas, particularmente Fujian White Crane – uma espécie de kung-fu. O karatê é uma arte de golpes que usa socos, chutes, joelhadas, cotoveladas e técnicas de mão aberta.

Kung-fu – Arte marcial chinesa, o kung-fu tem diversas escolas. Entre as mais tradicionais está a Shaolin. Sua história está ligada diretamente a história da China. Nos dias de hoje ela pode ser considerada uma arte marcial direcionada para o bem estar físico, para a saúde mental, para a correção e manutenção do sistema motor, para a melhoria do sistema respiratório dentre muitos outros benefícios.

Taekwondo – Também uma arte marcial olímpica desde 1988, o taekwondo se utiliza principalmente dos potentes e rápidos chutes. Criada na Coreia do Sul, a disciplina tem como prioridade o equilíbrio físico e mental. A palavra significa “caminho dos pés e das mãos”. A arte foi introduzida no Brasil na década de 70 e está cada vez mais difundida, sendo que a Confederação Brasileira de Taekwondo (CBTKD) tem uma federação filiada em todos os estados.

Compartilhe: