Falso dono de apartamento dá golpes em série em Barueri

0
4123
Compartilhe:

Homem aluga imóveis que não são seus e lesa inquilinos e donos verdadeiros

bethaville
Dos três registros feitos recentemente pela polícia, um foi do bairro do Bethaville/Foto: BnR

A Polícia Civil de Barueri identificou esta semana um estelionatário que tem dando o golpe do falso dono de apartamento na cidade. Nas últimas duas semanas, foram registradas três denúncias contra o criminoso, uma no Bethaville e duas no Jardim dos Camargos. A identidade do estelionatário não foi revelada, mas suas iniciais são L.R.S. e ele tem 34 anos.

O crime consiste em alugar um apartamento para si, e depois sublocá-lo para uma terceira pessoa, passando-se por proprietário ou por corretor de imóveis. Neste processo, o golpista obviamente não paga os aluguéis que deveria aos verdadeiros donos, e ainda fica com os valores referentes a entrada, caução e primeira locação do inquilino desavisado. 

O caso mais ousado ocorreu no Bethaville, quando L.R.S. alugou um apartamento totalmente mobiliado de um casal. Em menos de dois meses ele passou por proprietário do imóvel e o colocou para locação. Do candidato a inquilino, recebeu R$ 7 mil relativos à caução do contrato, e quando o novo morador ia ocupar o local, encontrou o apartamento vazio.

O golpista havia levado geladeira, fogão, máquina de lavar, forno microondas, duas camas, cortinas, uma TV 42 polegadas, utensílios de cozinha e quadros. Aos proprietários verdadeiros, deu ainda um prejuízo de R$ 4 mil em dinheiro. Para não deixar vestígios, o ladrão, que também se apresenta como técnico em equipamentos de segurança, desligou as câmeras do prédio.

Na segunda-feira, 3/7, L.R.S. foi identificado pela polícia e levado para a Delegacia Central. Lá, foi interrogado e indiciado, mas como não foi preso em flagrante, acabou sendo liberado em seguida. Na ocasião, a polícia apreendeu, por falta de comprovação de origem, um veículo que o suspeito usava. Agora, a polícia enviará as conclusões da investigação ao Ministério Público (MP), e só então ele deverá ser denunciado à Justiça. Enquanto isso, ele ainda poderá fazer novas vítimas.

É importante que as pessoas tenham todo cuidado nas operações de locação”, afirma o delegado Ronald Nascimento. “É fundamental, antes de fechar um contrato, checar as informações dos proprietários, possíveis inquilinos e corretores para evitar esse tipo de problema”, explica o policial.

Compartilhe: