Ônibus desgovernado destrói três casas no Vale do Sol

1
3602
Compartilhe:

Não é a primeira vez que acidentes do tipo acontecem no local. Moradores reclamam da falta de sinalização na rua

Um ônibus de linha metropolitana desgovernado atingiu a frente de três casas na rua Tâmisa, no Vale do Sol. O acidente ocorreu na madrugada de domingo, 10/12. O desastre destruiu muros e portões das residências. O ônibus foi retirado do local ainda durante a madrugada, não deixando feridos. Não é a primeira vez que acidentes do tipo acontecem no local.

Segundo uma moradora da rua, que estava em casa no momento do acidente, é comum veículos transitarem em alta velocidade ali. “Como eu já estava deitada, só ouvi o barulho, mas o susto foi tão grande que não levantei para ver do que se tratava”, relatou ao Barueri na Rede.

No outro dia, a moradora procurou saber por vizinhos o que havia ocorrido. “Pelos comentários, esse descontrole do ônibus foi por conta de uma turma que bebia em frente a uma das casas que foi atingida. O motorista do veículo tentou desviar de um homem alcoolizado e acabou indo de encontro às casas.”

Na batida até mesmo uma árvore na calçada foi atingida / Fotos: Arquivo Pessoal
Na batida até mesmo uma árvore na calçada foi atingida / Fotos: Arquivo Pessoal

Segundo outra moradora, filha de Raimundo Pedro, dono de uma das casas atingidas, a rua está sempre cheia de carros parados, nos dois lados, o que acaba atrapalhando a circulação, principalmente de veículos grandes. “Os vizinhos nos disseram que o motorista ‘raspou’ em um carro na rua de cima, e o dono junto com outros homens foram tomar satisfação. O motorista, no momento de desespero, se apavorou e desceu a rua em alta velocidade, atingindo as três casas”, contou ao Barueri na Rede.

No caso de Raimundo, foi feito o Boletim de Ocorrência no mesmo dia, e formalizado na segunda-feira, 11/12. A família procurou a Benfica, empresa responsável pelo ônibus, que aprovou um orçamento para o conserto da residência de Raimundo.

Sobre intensificar a sinalização na rua, a Prefeitura de Barueri, por meio da Secretaria de Comunicação (Secom), afirmou em nota que o Demutran intensificará a fiscalização de trânsito no local e, quanto a possíveis implantações de sinalizações, realizará uma vistoria técnica para avaliá-las.

Compartilhe:

1 COMENTÁRIO

  1. Sinalização não basta, o correto é que proíbam os carros de estacionarem em vias onde passam ônibus, e não é só no Vale do Sol que isso ocorre, já vi isso no Boa Vista, no Tupanci, no Maria Cristina, no São Luis…
    Isso só atrasa o carrossel dos ônibus e faz eles terem intervalos mais altos, e os motoristas é que ainda são penalizados por suas empresas pelos atrasos…
    Uma outra alternativa, também, seria, ao invés de colocar ônibus grandes a cada 30min conforme a Benfica ainda faz hoje, por que não colocar micro-ônibus a cada 5 minutos nas linhas? Diminuiria a lotação, aumentaria o conforto e atrairia mais gente para o transporte coletivo.
    Um impeditivo para isso, porém, é como o Terminal do Centro está entrando em colapso, às vezes há 3 ou 4 linhas de ônibus utilizando a mesma plataforma, o que, de um ponto de vista técnico, inviabiliza a redução de intervalos. A prefeitura também tem sua parcela de culpa, afinal.